Freelancer ou Agência de comunicação?

Freelancer ou Agência de comunicação?

Diversas empresas brilham os olhos ao pensar em um freelancer quando precisam escolher alguém para a execução de alguns trabalhos, mais especificamente, nas áreas de comunicação. Porém é preciso pensar bastante e analisar pontos negativos e positivos sobre o assunto, pois existem diversas vantagens e desvantagens envolvidas.

A dúvida entre fechar a parceria com um freelancer ou contratar uma agência de comunicação é bem comum e definir uma estratégia, é um passo importante para a decisão. Por isso, vamos te ajudar a entender o que é melhor para você alcançar seus objetivos.

O que é cada um?

O freelancer

É importante saber o que o freelancer faz e que esse profissional é quem trabalha sozinho, sem uma equipe executando um determinado projeto, e isso te da total liberdade para escolher seu local, horário e forma de trabalhar. Num geral, o freelancer é um profissional que não está subordinado a ordens de uma empresa. Então o contratante apenas se preocupa em pagar e ter seu projeto finalizado na data combinada.

A agência de comunicação
É uma empresa que fica responsável pela criação, planejamento e veiculação de campanhas, digitais ou offline. Todo tipo de coisa relacionado a divulgação e propaganda de um produto, serviço ou marca, é de responsabilidade dessa empresa.

A agência não tem um roteiro ou uma fórmula, precisando sempre se adaptar ao perfil de cada cliente, sendo novo desafio a cada nova demanda que requer uma imersão na rotina, no histórico e nos objetivos do cliente para poder oferecer o melhor plano.

A bagagem de experiências com clientes anteriores, faz com que tenham estratégias que podem ou não ser adotadas novamente. Se deu errado, ela sabe o que não pode fazer, e se deu certo, faz uma análise  do perfil do cliente e identifica se é cabível aplicar tal estratégia mais uma vez.

Uma outra característica importante, é que uma agência conta com recursos e ferramentas que facilitam a gestão das marcas, assim, você não precisaria se preocupar com esse ponto.

Começamos vendo que existem muitos serviços prestados em comum pelos dois lados, então, você deve começar focando na primeira diferença, que é quantidade de serviços que cada um consegue te oferecer em determinado tempo.

Optar por um freelancer, pode permitir que o cliente participe de maneira mais direta e próxima na tomada de decisões, influenciando diretamente no resultado final e isso depende de você para definir como ponto negativo ou positivo.

Já optando por uma agência, você dá mais autonomia para a equipe com especialistas no assunto, tendo mais segurança de que o projeto será executado com perfeição.

Custo Benefício
O ponto positivo que mais chama atenção quando se pensa na contratação de um freelancer, é o custo, além das formas de pagamento. Esse possível preço baixo, é reflexo dos serviços de apenas um profissional. Já numa agência, você tecnicamente, está pagando pelos serviços de uma equipe.
Além disso, detalhes trabalhistas (impostos) não se aplicam aos freelancers.

Resultado
Outro ponto a ser pensado, é no resultado. Se você procura resultados estratégicos e geração de leads, o um profissional freelancer não te dá essa garantia. Ele trabalha prometendo um material, e isso quase sempre significa que ele não se responsabiliza pelos resultados de estratégia. Já uma agência depende desse tipo de resultado para renovar contratos e manter clientes. Ela se preocupa com a projeção de resultados.

Agora é com você. Coloque na balança quais são seus objetivos e o porquê cada um seria melhor, se encaixado nas suas necessidades, visto que o freelancer é melhor em questões mais pontuais e as agências em trabalhos de natureza técnica, de longo prazo. A Agência Formiga Digital entende sobre o mercado em que seu negócio está inserido e te ajuda a alavancar sua empresa, gerar leads e resultados, nos contate!

Texto desenvolvido por Evelyn Santos.

freelancer
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
×